DESTINOS

QUANTO CUSTA FAZER O HIGH SCHOOL NOS ESTADOS UNIDOS?

Existem opções de programas de ensino médio para todos os bolsos e objetivos acadêmicos

Published

on

O homem foi à lua e revolucionou o mundo com a invenção da internet. Mas, quando o assunto é fazer um intercâmbio, há quem ainda acredite que os valores são inviáveis.

Com o passar dos anos, estudar no exterior se tornou mais acessível e, inclusive, hoje os preços chegam a ser muito competitivos em relação aos valores do Brasil. Fazer um programa de High School J1 nos Estados Unidos, por exemplo, praticamente empata com os gastos de uma família com filhos matriculados em uma escola particular brasileira.

Além do preço competitivo, uma das principais vantagens de fazer um intercâmbio nos Estados Unidos é ter a oportunidade de desfrutar de um dos melhores sistemas de ensino do mundo – mais precisamente, o 8º melhor sistema educacional do mundo, de acordo com o relatório anual Global Competitive Reports, feito pelo Word Economic Forum.

High School USA J1: a opção de intercâmbio mais econômica nos EUA

Uma das opções mais econômicas é, justamente, o programa High School J1.  Nele, os alunos internacionais estudam em escolas do sistema público dos Estados Unidos e não têm a opção de escolher a região onde vão estudar. É perfeito para o estudante que está interessado em mergulhar na cultura norte-americana e vivenciar a rotina e os costumes de uma família que vive no país.

Outra característica marcante do ensino médio no exterior é a grade curricular que, embora conte com as matérias obrigatórias semelhantes as do sistema brasileiro, também oferece possibilidades para que os estudantes explorem diferentes áreas de conhecimento, com aulas sobre tecnologia, literatura, teatro e também esportes como futebol americano e natação, entre outros.

SAIBA COMO FUNCIONA O ENSINO MÉDIO NOS ESTADOS UNIDOS   

Essas aulas fazem parte da rotina do aluno, que não desembolsa nem um centavo a mais para participar das atividades. No Brasil, é provável que ele tenha de pagar por aulas de natação e teatro ou até mesmo para ter aulas de idioma no período extracurricular.

A acomodação para o intercâmbio de High School é outro fator que possibilita muita economia para quem está pensando em cursar uma parte do ensino médio no exterior. No caso do programa J1 nos Estados Unidos, a acomodação é em casa de família e, além da despesa com moradia já estar inclusa no valor do programa, duas refeições diárias compõem o pacote.

Você também pode gostar de: Como são as famílias que recebem alunos de High School?

Dependendo da escola e da província, é possível que o deslocamento do aluno da casa da família até a escola também faça parte do pacote – o que representa mais uma economia para quem está preocupado com os custos de um período mais extenso no exterior.

Para se ter ideia, uma escola particular de classe média de São Paulo tem uma mensalidade de em torno R$ 3 mil, o que totaliza uma média de 30 mil reais por ano. Já um programa de High School J1 custa a partir de USD 8240 ao ano, o que dá em média R$ 32 mil, considerando o dólar com câmbio a quatro reais.

Além do valor investido nos estudos, a família brasileira deverá desembolsar uma média de USD 300 ao mês para que o estudante se mantenha nos Estados Unidos, utilizando- os para os momentos de lazer e diversão e também para compras.  

No papel, a diferença de preço entre manter um estudante no Brasil e nos Estados Unidos não é significativa. Além disso, outros valores compõem os gastos de um estudante adolescente no Brasil e podem representar uma economia no exterior. Vale a pena fazer as contas e se programar para apostar nessa experiência em 2019. 

Quer saber mais sobre o programa de High School J1 nos Estados Unidos? Fale com o STB!

Continue Reading
Click to comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2019 - STB - Todos os direitos reservados