a-melhor-experiencia-de-viagem-970x300_semtxt.jpg

Planejar uma viagem é simples, o extraordinário é construir experiências!

BannerHome_Destinos_JAN17_Vancouver-2-750x368.jpg

Intercâmbio em Vancouver

Que tal fazer seu intercâmbio em Vancouver, uma das cidades com melhor qualidade de vida do mundo? Além de aprender o idioma, você viverá cercado por uma natureza exuberante e ainda terá contato com pessoas do mundo inteiro. Saiba mais sobre Vancouver e escolha o destino do seu próximo intercâmbio neste guia, feito com informações do Tripbox, aplicativo de viagem do STB.

Por que fazer um intercâmbio em Vancouver?

Natureza em Vancouver - Deep Cove

Não por acaso, Vancouver é a cidade canadense mais procurada por brasileiros. As estações bem definidas criam o cenário perfeito para os viajantes mais ecléticos: verão com praia e 15h de sol por dia, inverno com neve e pistas para esqui. Vancouver sabe que é linda, e por isso abriga um belo teleférico e mirantes naturais – as montanhas! – para vistas panorâmicas da cidade. Parques, baladas e a simpatia dos moradores completam o pacote.

Melhor época do ano para ir a Vancouver

Para os padrões canadenses, Vancouver é uma cidade relativamente quente. Mesmo assim, as médias de temperatura no verão variam de 15°C a 23°C e, no inverno, fica em torno dos 5°C. Como há muitas atividades ao ar livre na cidade, quem gosta de verão pode achar mais interessante visitá-la nas estações quentes do hemisfério norte, ou seja, entre maio e setembro. Mas, como o verão (entre junho e agosto), costuma elevar os preços de acomodação na região, a melhor época para aproveitar valores menores, menos turistas e uma temperatura ainda agradável é durante a primavera (março a maio) e o outono (setembro a novembro).

Mas Vancouver também é atraente nos meses mais frios, principalmente quando a ideia é aproveitar as pistas de neve para esquiar de Whistler, uma das principais atrações do país. 

Informações úteis de Vancouver

Garota em barco em Vancouver

Telefone de Emergência: 911
Código DDI: 1
Código: 604
Fuso Horário: -5 horas em relação à Brasília, sem contar o horário de verão.
Temperatura: no verão, a média é de 25ºC e, no inverno, cai para 1ºC.
Voltagem: 110v
Moeda: dólar canadense

O que fazer em Vancouver

Prédios e natureza no Stanley Park, em Vancouver

Vancouver tem a natureza como protagonista em suas maiores atrações turísticas. Do clássico Stanley Park (explore de bicicleta!), às praias de Kitsilano Beach e English Bay, passando pelos parques Capilano Suspension Bridge e Lynn Canyon, ambos famosos pelas pontes suspensas entre árvores. Nos arredores da cidade há destinos incríveis, como as montanhas nevadas de Whistler e a Grouse Mountain. Vancouver é prato cheio para nature lovers, mas também oferece muitas opções de compras, gastronomia e festa. É uma cidade jovem do Canadá, ocupada por milhares de estudantes do mundo inteiro.

Veja mais dicas sobre o que fazer em Vancouver no Weekend Series STB e também no guia exclusivo do aplicativo Tripbox, disponível na App Store e no Google Play. É grátis!

Como dar gorjeta no Canadá

Gorjeta no Canadá

Em restaurantes, o costume é remunerar o serviço em 15% (ou 20%, se for excepcional). A taxa pode vir cobrada direto na conta, então dê uma conferida antes de pagar. Em táxis e cabeleireiros, a mesma coisa: um acréscimo de 15% é esperado e pega bem. Em bares, deixe US$ 1 ou US$ 2 a cada bebida no balcão. O mesmo vale para carregadores de malas e camareiras em hotel - um pequeno agradinho por dia garante bons serviços no futuro.

Onde ficar em Vancouver

Onde ficar em Vancouver

Graças ao excelente transporte público, é bem fácil se locomover pela cidade mesmo se você morar em bairros menos centrais. Se for se hospedar em casa de família durante seu intercâmbio, é bem provável que more na província de Burnaby ou em North Vancouver, que são áreas bastante residenciais. Ambas são consideradas cidades que fazem parte da área metropolitana de Vancouver, mas a verdade é que são quase como bairros, próximos do centro da cidade. Se você vai alugar um apartamento ou se hospedar em uma residência estudantil, procure nos arredores do Stanley Park e de Gastown, bairro boêmio (e muito turístico!) de Vancouver. O STB oferece diversas opções na cidade, para todo estilo de viajante. Converse com um consultor e descubra qual a melhor opção para seu intercâmbio em Vancouver!

Transporte público pro seu intercâmbio em Vancouver

Vancouver transporte público - seabus

A cidade é dividida em três zonas (Vancouver é zona 1; Norte de Vancouver ou Burnaby é zona 2; Surrey é zona 3). Quanto maior o número de zonas que você percorrer, mais caro será o valor da passagem. Se você fizer intercâmbio em Vancouver por mais de três semanas, vale a pena adquirir o “BusPass”. Existem três tipos de bilhete e eles permitem que você ande à vontade de transporte público. Consulte o site oficial da TransLink para informações sobre mapas, preços, rotas e horários.

Metrô

Chamado de SkyTrain, ele liga as regiões mais distantes da cidade ao centro. As estações não possuem catracas e os bilhetes são comprados em cabines na entrada ou em máquinas.

Ônibus

Práticos e modernos, possuem painel eletrônico e alto falante que avisa as próximas paradas aos passageiros.

SeaBus

É a balsa que cruza Downtown e o Norte de Vancouver. Para utilizá-la, você precisa de um bilhete Zona 2 ou Zona 3.

Onde comer em Vancouver

Restaurantes em Vancouver

Prato típico canadense, o poutine é composto basicamente por batatas fritas, molho e queijo derretido, mas, em alguns restaurantes, a receita é incrementada com outros ingredientes – como é o caso do Edible Canada, localizado em Granville Island, que acrescenta cebola e gengibre ao prato. Outro local onde é possível provar comidas típicas do país é no Fable Kitchen, em Kitsilano, que, respeitando a sazonalidade de cada um dos alimentos, trabalha apenas com ingredientes locais.

Cosmopolita e superglobal, a população de Vancouver é composta por imigrantes de diversas nacionalidades – o que significa que, além dos pratos típicos, você poderá encontrar restaurantes especializados na culinária de outras partes do mundo por lá.        

No Tacofino, um food truck em Tofino, tacos, nachos e drinques variados compõem o menu de um dos restaurantes mexicanos preferidos dos moradores.  Já no Pronto Caffe, localizado na região de Cambie Village, massas recheadas, nhoque ao pesto, almôndegas bem temperadas e sanduíches clássicos representam a cozinha italiana.

Especializado em comida de rua alemã, o Bestie, localizado em Chinatown, serve salsichões artesanais (de porco, de peru e até de bisão, além de uma opção vegetariana) acompanhados de salada de batata, chucrute e maionese temperada.    

Os restaurantes japoneses também são ótimos por lá, já que a proximidade com o Oceano Pacífico garante peixes (principalmente salmões) frescos e de qualidade. Dentre as muitas opções, a dica insider é o Eatary – opção bacana perto de Kitsilano Beach para quem gosta de provar sushis mais exóticos.

Onde fazer compras em Vancouver

Loja em Vancouver

Localizado a menos de cinco minutos de caminhada da City Centre Station, o Pacific Centre Mall é referência em compras na cidade. Dentre as mais de cem lojas que se reúnem ali estão a Apple, a Hollister, a Pandora, a Guess, a GAP, a Michael Kors, a Banana Republic, a Disney Store e a American Eagle.          

Para quem prefere fazer compras a céu aberto, a Robson Street também é uma ótima opção. Sephora, Victoria's Secret, Forever 21 e H&M são apenas algumas das marcas queridinhas que podem ser encontradas por lá.

Outras lojas de rua são a Two of Hearts (moda feminina com foco em sustentabilidade); a Secret Location (uma concept store com decoração futurista) e a The Regional Assembly of Text (papelaria que promove encontros literários toda primeira terça-feira do mês).

O que fazer à noite em Vancouver

Vida Noturna em Vancouver

Ocupando o espaço de um antigo cinema, a Caprice, no centro de Vancouver, mistura a espaçosa e animada pista de dança com camarotes e lounges mais intimistas. Para agradar a todos os tipos de público, a casa aposta ainda em uma programação eclética: música eletrônica aos finais de semana e ritmos latinos às quartas-feiras.           

Já a Celebrities Nightclub, em Davie Village, prefere dar atenção exclusiva à música eletrônica. Aberta nos anos 1980, a casa passou por reformas e ganhou um novo (e potente) sistema de som nas últimas décadas – o que já garantiu a presença de DJs mundialmente conhecidos por lá, como Tiësto e David Guetta.

Enquanto o Cambie, em Gastown, mistura o ambiente de pub com casa de jogos (com direito a mesas de sinuca, pebolim e jukebox), a Commodore Ballroom, no centro, mistura balada com casa de shows.  O espaço, que abriu as portas em dezembro de 1929, já recebeu Nirvana, Kiss, David Bowie, The Police e outros grandes nomes da música ao longo dos anos. Vale conferir a programação no site do local antes da sua visita.

Opinião de quem fez intercâmbio em Vancouver

Gabriela Pelissari em seu intercâmbio em Vancouver

“Eu estava entrando no sexto período da faculdade no Brasil quando me dei conta de que precisava sair do país para viver uma experiência sozinha. Queria muito conhecer uma língua nova, outro clima e, principalmente, viver uma rotina diferente daquela que eu já estava acostumada. Então, mesmo com o meu inglês precário, decidi dar a cara à tapa e vir para Vancouver. Acabei escolhendo a ISLC pela flexibilidade de horários que eles proporcionam – assim eu tenho um apanhado geral de aulas pela manhã (compreensão oral, conversação e gramática) e, no período da tarde, tenho tempo livre para explorar a cidade. Uma das experiências mais marcantes que vivi até agora foi a minha viagem para Rocky Mountains, que fica em uma província vizinha. Estava nevando muito na estrada e eu cheguei a ver quatro lagos totalmente congelados. Foi lindo, me senti dentro de Nárnia!  

Acho que a experiência fora de casa faz a gente crescer e ficar mais forte. De longe, percebi o quão valioso é o nosso país e sinto que agora valorizo muito mais a minha família e tudo que ela me proporciona; assim como os meus amigos e até a comida brasileira – porque a comida aqui é muito boa, mas a gente sente falta de um arroz com feijão, né?”, Gabriela Pelissari, maquiadora profissional e estudante de administração, 24 anos. Está fazendo o curso de inglês na ISLC – Vancouver.

Curiosidades sobre Vancouver

Curiosidades sobre Vancouver

1. Supereducados, os moradores de Vancouver apreciam bons modos. Então excuse me, thank you e please devem fazer parte do seu dia a dia.

2. As ruas de Vancouver são muito limpas, e os moradores se esforçam para mantê-las assim. Nunca jogue lixo e, se possível, recicle - há lixeiras públicas para isso.

3. Prepare-se para a chuva. Ela é muito frequente, e é por isso que o clima é tão fresco e verde. Aceite como uma benção e inclua uma jaqueta com capuz no seu look - são mais comuns e práticas que guarda-chuvas.

4. Assim como muitas cidades brasileiras, Vancouver é smoke-free e não é permitido fumar cigarro dentro de espaços públicos fechados. Alguns restaurantes e bares têm área para fumantes.

5. Vancouver é uma cidade extremamente acolhedora, justamente por ter grande parte de sua população formada por imigrantes. Portanto, pode ficar tranquilo: um pouquinho de gentileza vai garantir que seu intercâmbio lá seja agradável e muito fácil. Quem já ouviu aquele estereótipo dos canadenses serem educados e bonzinhos demais? Não é à toa!

Custo de vida em Vancouver

Preço da refeiçao em Vancouver Refeição em restaurante estudantil: CAD 15
Preço do Mc Donalds em Vancouver Mc Meal ou combo equivalente no Mc Donald’s: CAD 9
Preço do refrigerante em Vancouver Coca-cola (300ml): CAD 1.94
Preço do pão em Vancouver 1 baguete de pão: CAD 3.06
Preço do onibus em Vancouver Ticket de ônibus (ida ou volta): CAD 2.75
Preço do taxi em Vancouver Táxi (bandeirada): CAD 3.50

Quer fazer um intercâmbio em Vancouver?

Intercâmbio em VancouverDepois de ler tudo isso, você já deve estar convencido: Vancouver é a cidade ideal para o seu intercâmbio. Se você gostaria de passar uma temporada na cidade canadense estudando inglês, ou mesmo fazendo um curso para profissões, fale com o STB! Oferecemos os melhores cursos em Vancouver e podemos te ajudar com tudo mais que você precisa para embarcar: passagens áreas, acomodação, seguro de viagem e até passeios. Você está preparado para maior aventura da sua vida?

FALE COM UM ESPECIALISTA EM INTERCÂMBIO

Tripbox STB

Tripbox STB

O Tripbox é um app de viagem criado pelo STB para viajantes, com organizador de compromissos, porta-documentos e dicas insiders das principais cidades do mundo. O aplicativo conta com uma equipe de jornalistas curiosos, nerds, inquietos e apaixonados por viagem que trabalha intensamente para oferecer o melhor aos viajantes. Quer saber mais? Baixe o aplicativo na App Store ou no Google Play. É grátis ;)

Deixe uma resposta

BUSCAR RESULTADOS PARA: