STB NO MUNDO

Despedida em Firenze

A Itália é perfeita

Published

on

Últimos resquícios de Firenze. Ainda sobrevivo por meio de aparelhos de uma doença chamada saudades. Essa é a causa de uma semana de volta, após a viagem, muitas saudades e memórias grandiosas, meu caminho final foi no tom da despedida, a cada pôr-do-sol, tentava ao máximo absorver aquela energia e tentar reverter em força para voltar e encarar a rotina de trabalho, dessa vez inspirado, mais inspirado a escrever, principalmente. Que no meu caso funciona como terapia e válvula de escape para tantos pensamentos por segundo.

 IMG_0809-1024x576.jpg

O verão europeu continua escaldante. Aliás, descobri a origem dessa palavra, afinal, calor em italiano se diz ‘caldo”, portanto, um calor escaldante, vem desse ‘caldo’ de 42 graus! As ruas fervem, as lindas meninas passam, as bicicletas desfilam o estilo rústico e sofisticado dos italianos. Parece que saíram do catálogo de moda da revista direto pra rua, parece cenográfico… A única diferença, é que não é nada disso, por que lá tudo é ‘naturale’, tudo é mais genuíno. E aquele estilo que parece custar milhares de euros, custa quase nada, porque na simplicidade italiana se encontra ‘molta bellezza’! As ruas, as quitandas, as trattorias…uma mesa simples com madeira, vinho, presunto cru com seus queijos e salames. Tudo salta aos olhos, tudo é lindo!

 IMG_0810-1024x576.jpg

E lá quem escolhe a aventura é você. Pode ser uma viagem linda e romântica, inspirada na Ponte Vecchio e seus cadeados que trancam o amor dos casais apaixonados. Pode ser uma viagem cheia de aventuras inspiradas nos contos de Firenze, nas trapaças e no refinamento da família Médici, na vida bandida de Caravaggio, ou nas invasões das tropas alemãs de Hitler, na Segunda Guerra Mundial, ou pode ser uma viagem engraçada, no melhor estilo ‘Para Roma com Amor’ do talentoso Woody Allen.

Basicamente, em Firenze, a chave está com você, e a porta é grande, de madeira, pesada. Gire para onde achar melhor 🙂

Beijo!

 

Continue Reading
Click to comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *