culinária canadense

CONHEÇA A CULINÁRIA CANADENSE

Há diversas formas de entrar em contato com a cultura de um país: a convivência com famílias locais, a realização de passeios fora dos clichês turísticos, a participação em datas comemorativas regionais e, claro, a comida.  

Muito além de representar gostos pessoais e coletivos, os ingredientes presentes na culinária local também podem revelar muito sobre as tradições, a geografia e o clima de um país. 

No Canadá, por exemplo, a diversidade cultural reflete diretamente na gastronomia. Por isso, independentemente da cidade que você escolher para fazer o seu intercâmbio, não será difícil encontrar restaurantes que sirvam desde comidas típicas da região até os pratos mais exóticos da culinária oriental.        

Mas isso não quer dizer que o país não tenha a sua própria identidade gastronômica. Confira, abaixo, uma lista que revela cinco pratos e ingredientes típicos da culinária canadense!

Beaver Tail

Homem segurando uma unidade de Beaver Tail, sobremesa típica do CanadáBeaver Tail

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Apesar do nome sugestivo (“rabo de castor” em português) a receita não tem nenhuma relação com o animal. Na verdade, o nome é uma referência ao formato de sua cauda, que se assemelha bastante ao do doce.

Criado em Ottawa e relativamente semelhante a nossa rabanada, ele consiste em massa de pão frito coberto com açúcar, canela e limão. E os canadenses capricham nas coberturas, sendo Nutella, Oreo, pasta de amendoim e maçã com canela as mais tradicionais.

Nanaimo Bar, receita típica do Canadá

Nanaimo Bar    

Famosa em toda a América do Norte, a Nanaimo Bar tem origem canadense e é um dos doces mais populares do país - podendo ser encontrada na maioria dos cafés, padarias e supermercados.

Ela consiste em três camadas: bolacha wafer, creme de baunilha e cobertura de chocolate. Quer dizer, pelo menos esta é a versão original – mas hoje já existem variações da receita que incluem amendoim, coco, café e outros ingredientes.   

 

  Maple Syrup

É do Bordo, árvore nacional cujas folhas estampam a bandeira canadense, que se extrai a seiva para a fabricação do famoso Maple Syrup – um xarope rico em nutrientes utilizado para adoçar panquecas, frutas e torradas por lá.

A temporada de produção vai do início de fevereiro até o final do mês de abril, quando mangueiras são inseridas nos troncos das árvores adultas (com mais de 40 anos de idade e pelo menos 25 cm de diâmetro) para extração da matéria prima. Detalhe: para a produção de 1 litro do syrup são necessários aproximadamente 40 litros de seiva do bordo – o que torna o resultado ainda mais especial!

Após a extração, a seiva precisa ser fervida em altas temperaturas até que toda a água evapore, os níveis de açúcar aumentem e ela finalmente se transforme em xarope.

Giphy de How I Met Your Mother mostra uma cena em que Robin conversa com Barney e Ted e afirma que todas as crianças canadenses levam Maple Syroup de lanche para a escola

 Butter Tart

Trata-se de uma tortinha de massa folhada, recheada com creme de ovos e castanhas. Apesar de ser uma sobremesa caseira, a butter tart também é comercializada em restaurantes, casas de chá e até em supermercados (em uma versão mais industrializada).

O primeiro registro da torta de que se tem notícia foi publicado em Ontário, no início dos anos 1900, no The Women's Auxiliary of the Royal Victoria Hospital. Mas alguns historiadores afirmam que sua origem é ainda mais antiga, datando entre 1663 e 1673 – quando uma política batizada de Filles du Roi (filhas do rei) enviou cerca de 800 mulheres solteiras à Quebec com o objetivo de que ali se casassem e ajudassem a ocupar a região.

Assim, ao tentarem reproduzir as receitas de sua terra natal com os ingredientes disponíveis em solo canadense, estas mulheres acabaram criando a primeira versão da butter tart. Hoje, a sobremesa é motivo de orgulho dos moradores e protagoniza desde festivais até tours de degustação guiados!

Poutine

Poutine, receita típica daculinária canadense

Batatas fritas, queijo e molho gravy: misture tudo e voilá! Eis o prato mais famoso do Canadá. Batizado de poutine, ele surgiu na província de Quebec durante a década de 1950, mas rapidamente se popularizou pelo país – estando presente, hoje, não apenas nas casas especializadas (as chamadas poutineries), mas também em redes populares como o Mc Donald’s.

STB

STB

Fundado em 1971, o STB Student Travel Bureau é líder no segmento de educação internacional no Brasil, oferecendo as opções certas para cada fase da sua vida. Quem você quer ser? Conte-nos onde quer chegar e nós traçamos o caminho.

Deixe um comentário

BUSCAR RESULTADOS PARA: