DESTINOS

As melhores cidades do mundo para estudantes em 2017

Published

on

Ao optar por fazer um intercâmbio, a pessoa deve tomar muitas decisões importantes para que a experiência seja a mais enriquecedora possível. São diversos fatores que pesam na hora de escolher o destino adequado às suas necessidades, como o idioma, o que pretende estudar, os preços, o clima, as características locais, entre outros.

Quem gosta de sol e praia, por exemplo, teria dificuldades em se adaptar a Manchester – a Austrália, neste caso, seria a escolha ideal. Outro elemento muito importante é conferir se a cidade está apta a receber estudantes do mundo todo. Para responder à questão, o ranking QS best Student Cities listou as melhores cidades para estudantes em 2017.

Depois de quatro anos liderando o ranking, Paris foi desbancada pela canadense Montreal. Colonizada por franceses, ela é a maior cidade francófona depois de Paris e a maior cidade bilíngue do mundo (todos os seus habitantes falam inglês fluentemente). Por isso, fazer um intercâmbio em Montreal é ideal tanto para quem quer estudar inglês quanto para quem quer estudar francês.

Paris, a segunda melhor cidade do mundo para estudantes

Completando o top 10 estão Paris, Londres, Seul, Melbourne, Berlim, Tóquio, Boston, Munique e Vancouver. A boa presença das cidades canadenses e alemãs, com duas de cada entre as melhores, chama a atenção. Como comparação, a cidade brasileira melhor ranqueada é São Paulo, na 69ª posição, atrás de outras da América do Sul, como Buenos Aires (42ª) e Santiago (62ª).

Para chegar a este resultado, foi feita uma pesquisa com 18 mil alunos e pessoas recém-formadas, além de avaliações de cinco itens: qualidade das universidades, diversidade de estudantes, cidades mais desejadas, acesso ao mercado de trabalho e custo e qualidade de vida. Além disso, as cidades precisam ter uma população mínima de 250 mil habitantes e ser sede de pelo menos duas universidades que fazem parte do QS World University Rankings para poder participar do ranking.

ranking.jpg

Um ponto interessante é a presença das cidades do Reino Unido, apesar do histórico de serem menos acessíveis devido à força da libra esterlina. Além de Londres, em 3º lugar, aparecem Edimburgo (18º), Manchester (23º) e Glasgow (34º) no top 50. Acredita-se que a recente desvalorização da moeda – graças às decisões políticas tomadas no país em 2016 – e a credibilidade das instituições de ensino locais tenham colocado a região em boas posições.

Veja, abaixo, a lista das melhores cidades do mundo para estudantes em 2017:

1 – Montreal
2 – Paris
3 – Londres
4 – Seul
5 – Melbourne
6 – Berlin
7 – Tóquio
8 – Boston
9 – Munique
10 – Vancouver
11 – Hong Kong
12 – Toronto
13 – Sydney
14 – Singapura
15 – Zurique
16 – Viena
17 – Kyoto
18 – Edimburgo
19 – Nova York
20 – Brisbane

as.png

Continue Reading
Click to comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *