a-melhor-experiencia-de-viagem-970x300_semtxt.jpg

Planejar uma viagem é simples, o extraordinário é construir experiências!

ecok1.jpg

Tudo sobre a EC New York, minha primeira escola de inglês!

É muito mais legal do que parece. Muito. MUITO! Lembro de passar dias agoniada no Brasil só imaginando como seria estudar em uma escola de inglês nos EUA, com alunos de todos os lugares do mundo e, principalmente, com professores que só falam inglês. Como eu iria aprender, caso não conseguisse entender as explicações? S.O.S! Foi justamente por isso que resolvi vir aqui e explicar tudo, tudo mesmo, sobre como é a rotina em uma escola de inglês gringa!

Vou começar pelo básico: o primeiro dia de aula. Assim que cheguei na EC New York fiquei passada com o lugar: salas modernas (a lousa é touch screen!), computadores, máquinas de bebidas e salgadinhos... Tá, vamos voltar ao que eu estava falando. hahaha. O primeiro dia de aula é uma introdução. Na real, você vai entregar seus documentos, fazer uma prova (isso inclui responder questões optativas, escrever uma redação e fazer um teste de conversação) e ficar sabendo em qual nível (e sala) você está. Aula mesmo, só no dia seguinte.

As aulas normais rolam todos os dias, intercalando horários de manhã (começa ás 8:30) e a tarde. Achei isso ótimo pois dá para aproveitar  bem a cidade (dá pra sair a noite tranquilo quando a sua aula do dia seguinte só começa a tarde, por exemplo). Em cada um dos horários há um professor diferente, assim, você segue o curso inteiro com dois professores. Não há matérias específicas, as aulas variam entre gramática, vocabulário, conversação e listening. Tudo feito de forma bem  tranquila e descontraída. Aí, a cada mês, rola um teste para saber se você continua no mesmo nível ou se está pronto para o próximo. Eu já passei do low intermediate para o intermediate. O que quer dizer que: evoluí! hahaha

Bem, no meu caso a carga horária ainda é um pouco mais pesada. Além das aulas normais, duas vezes por semana, também faço as elective classes, que são aulas focadas num único tema. É possível escolher um assunto diferente para cursar por mês, aí vão alguns exemplos: A World of Words, Write Now, Film Studies, Comparative Culture & Communication... Eu decidi ficar com o Get Talking (já que amo falar hahaha) e foi a melhor coisa que fiz, curto cada segundo dentro da sala de aula. Ahhh, aqui você terá mais um professor diferente!

Bem, basicamente é isso! Eu gravei um vídeo com um dia inteirinho de aula para poder mostrar tudo nos mínimos detalhes (mesmo! hahaha)

[embed width=570]https://www.youtube.com/watch?v=MLnvZXpIUUc[/embed]

Gostaram? Deu pra matar um pouquinho a curiosidade?
Têm muito mais sobre o meu intercâmbio lá no meu blog, karolpinheiro.com.br.
Beijos, beijos

Karol Pinheiro

Karol Pinheiro

Karol Pinheiro é jornalista, trabalhou na revista CAPRICHO por 8 anos, ama a Disney e acredita no poder do destino. Gosta de escrever sobre tudo o tempo todo e acha que, um dia, vai poder conhecer todos os lugares do mundo através do teletransporte. Por enquanto, vai de avião mesmo para a Big Apple viver todas as dores e amores do intercâmbio por seis longos e maravilhosos meses.

Deixe uma resposta

BUSCAR RESULTADOS PARA: