NY Landmarks: Grand Central Terminal

 

Um "must see" para quem visita a cidade de Nova York é a estupenda Grand Central Terminal, um dos principais terminais da cidade. Para ter uma excelente primeira impressão, entre na estação pelo saguão principal localizado na Rua 42 com a Avenida Park em Midtown. A maior estação de trem do mundo, com suas 48 plataformas, continua em expansão. Não apenas um simples terminal ferroviário, mas também um lindo cartão postal da cidade.

O "Grand Central" é de impressionar os olhos de quem visita. A majestosa estrutura foi palco de inúmeros filmes, seriados e ações publicitárias, e passa exatamente o que foi e o que é a cidade de Nova York: agitação, sofisticação e história. O relógio de latão que se encontra bem no centro da estação é um dos grandes destaques, mas não deixe de prestar atenção aos detalhes (muitas vezes gigantescos) que compõem seu ambiente. Como as gigantescas janelas de 29 metros, teto com 59 estrelas representando as constelações do zodíaco, os candelabros de níquel e ouro e o piso de mármore.

Caminhando por dentro da estação em direção à Avenida Lexington, no piso inferior, existem mais de 50 lojas, cafés e restaurantes, como a Banana Republic, a Magnolia Bakery e o imperdível Grand Central Oyster Bar e Restaurante, especializado em frutos do mar.

Entre os filmes rodados na Grand Central estão: Men in Black, Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças, Superman, Eu Sou a Lenda e Apenas um Sonho (Revolutionary Road). Aos fãs de Gossip Girl, como eu, é ali onde tudo começou, a estação onde Serena chega no primeiro episódio da série.

 

Mas como nem tudo são flores e muitas vezes a vida copia a ficção, o Grand Central já foi palco também de um atentado. Em 11 de setembro de 1976, um grupo de nacionalistas croatas plantou uma bomba em um dos armários da estação. Depois de fazer suas reivindicações políticas, os terroristas revelaram a localização e instruções para desarmar a bomba. A operação de desarmamento não foi executada corretamente e a explosão da bomba deixou três feridos e matou um policial.

De qualquer maneira, hoje a segurança é absoluta no local, que recebe mais de 500.000 pessoas diariamente. Um excelente marco para conhecer um pouco mais da história de Nova York e tirar fotografias, ideal também para dias chuvosos, quando não dá para conferir outras atrações da cidade ao ar livre.

O Grand Central Terminal fica aberto até 1h30 da manhã e para entrar na estação você não paga nada. Mais informações no site oficial!

Leia Também:

- NY Landmarks: o zoológico do Bronx

- NY Landmarks: a ponte do Brooklyn

- NY Landmarks: o prédio do Empire State

Bruna Calheiros

Bruna Calheiros

Paulista e blogueira, Baunilha é publicitária e apaixonada por games, seriados, HQ, cinema, design e arte. Com projetos promissores e vontade de aproveitar tudo o que o mundo tem para oferecer, ela está estudando em NY e você pode conferir os textos repletos de dicas e detalhes sobre a cultura norte-americana que a @baunilha prepara especialmente para vocês!

Deixe um comentário

BUSCAR RESULTADOS PARA: