a-melhor-experiencia-de-viagem-970x300_semtxt.jpg

Planejar uma viagem é simples, o extraordinário é construir experiências!

Chegando em Londres, terra da rainha

 

Quando o avião estava para pousar, comecei a ver pela janela vários cartões postais de Londres como Tower Bridge, London Eye, Gherkin etc. Foi aí que eu acho que minha ficha caiu. Eu REALMENTE estava em Londres. Os pelinhos do meu braço ficaram arrepiados, foi uma sensação maravilhosa!

Essa era a vista que eu via do avião, só que ainda estava de dia:

Depois de passar pelo stress da imigração (vou escrever sobre isso mais pra frente), peguei minha mala e saí do aeroporto, seguindo as placas que me direcionavam até o metrô.

O aeroporto de Heathrow, que fica na zona 4 de Londres, tem um metrô dentro dele e eu resolvi me aventurar assim ao invés de pegar um táxi até o apartamento (que sairia MUITO caro). Chegando na entrada do metrô, bateu aquele mini desespero. Mó galera com malas grandes tentando se achar e comprar bilhetes naquelas máquinas que eu nunca tinha visto.

Ok, o que eu faço agora?

Resolvi entrar na fila das máquinas para comprar meu bilhete, mas não fazia nem ideia de como se comprava um bilhete lá. Fora que para chegar até as catracas, havia uma barreira de ferro onde eu tinha que levantar a mala para conseguir passar, ou seja: ME FERREI, porque a minha mala estava pesando quase 30 kilos e eu não conseguia levantá-la. Depois de muito esforço consegui passar e entrei na fila para comprar o bilhete com o atendente, já que a máquina não me ajudou muito. É engraçado como nesse primeiro momento da viagem já vemos e sentimos na pele que estamos sozinhos e tudo depende apenas de nós. Não tem mãe, pai, amigos nem alguém conhecido para ajudar.

Depois de um tempinho notei que os dois caras que estavam na minha frente na fila, eram brasileiros. Uuuuufa! Apesar de ter a intenção de fugir dos brasileiros nessa viagem, essa era uma situação de emergência. Eu tinha acabado de chegar e estava perdidinha, então resolvi falar com eles.

Oi! Vi vocês falando português e resolvi me meter, desculpa mas... Vocês sabem como comprar os bilhetes do metrô?

FON: eles também não sabiam, estavam tão perdidos quanto eu. Então ficamos conversando até chegar nossa vez.

Comprar o bilhete de metrô foi fácil. Eu só precisei dizer em qual estação eu ia descer e ele me cobrou o valor certo. O que não foi fácil foi o preço: 5 pounds! A libra está quase 3 reais então podemos dizer que eu gastei quase 15 reais para andar de metrô apenas uma vez. OUCH! Bem que eu tinha ouvido falar que o transporte de Londres era caro mas não imaginei que fosse tanto assim.

Meus novos amigos brasileiros me ajudaram a carregar a mala até o metrô e, mesmo sendo umas 18h, ainda estava um dia lindo. O metrô passou por uns trechos abertos e eu já conseguia ver as casinhas bonitas que tem aqui em Londres. Tudo era lindo! Inclusive um cara inglês que sentou na minha frente. U-A-U! Ele era mega estiloso e estava lendo um livro, então além de estiloso era inteligente. Aceitei isso como se a cidade estivesse me dando boas vindas e dizendo: Rebiscoito, sua viagem será incrível! :D

Ps. óbvio que eu tirei uma foto dele pra vocês verem, né? Se não não seria eu. hihihi

Saindo da Canada Water, que é a estação mais perto do meu apartamento, pedi informação para duas meninas na rua e elas moravam no mesmo lugar que eu estava indo, então elas me levaram até lá me ajudando com a mala e tudo mais, super queridas. Ah! Elas eram da Espanha. Quando descobri isso começamos a falar espanhol misturado com inglês e portunhol, foi bem egraçado!

Fique de olho que no próximo post vou falar sobre o meu apartamento e como decidir entre casa de família ou apartamento de estudantes.

Ah! Me segue no Twitter para acompanhar em tempo real as loucuras da minha viagem: @rebiscoito

Rebiscoito

Rebiscoito

Paulista, Rebiscoito decidiu embarcar neste intercâmbio para Londres e conta aqui no blog todas as suas experiências e pensamentos diretamente da terra da Rainha. Aqui vocês descobrem como é morar e viver cercada do inglês britânico, em uma cidade onde tudo acontece. Ela divide perrengues, alegrias, descobertas e tudo de novo que encontra por lá.

Deixe uma resposta

BUSCAR RESULTADOS PARA: