a-melhor-experiencia-de-viagem-970x300_semtxt.jpg

Planejar uma viagem é simples, o extraordinário é construir experiências!

Dream kitchen: por dentro da Le Cordon Bleu Londres

Foi tudo tão rápido que parece que foi ontem que estava embarcando para Londres na maior ansiedade. Viajar é sempre demais e se puder agregar algum aprendizado ainda melhor, não?

dentro_le_cordon_bleu.jpgFiquei encantada com a Le Cordon Bleu! Desde o processo de inscrição do curso até o último dia foi tudo perfeito. Os professores e funcionários, além de excelentes profissionais, são extremamente solícitos e simpáticos. E a estrutura da escola, nem preciso dizer, é incrível, né?

As cozinhas são ultraequipadas, tudo do mais moderno e tecnológico que tem. Cada aluno ganha seu avental e pano de cozinha, assim como um material da escola e um caderno de receitas. Utensílios, forno e fogão também são individuais e todos os dias, até o final do curso, cabe a nós cuidarmos e higienizarmos nosso kit de facas e utensílios para todas as aulas.

Tive aulas todos os dias da semana das 8h às 14h, um horário que foi perfeito também para conseguir aproveitar a cidade após as aulas e no final de semana. Toda a produção da aula está liberada para levarmos para casa, a própria escola fornece as embalagens, assim, além de aprender diversos pratos você ainda leva um almoço delicioso para casa!

camarao.jpg

Os cursos que fiz fazem parte do programa de cursos de verão da Le Cordon Bleu de Londres, que são opções de cursos mais curtos e de temas variados. Por exemplo, na minha primeira semana fiz o curso Taste of Asia, de cinco dias com foco em receitas e técnicas da culinária asiática. Já na segunda semana fiz o curso Cuisine Techniques, de quatro dias e que abrange algumas técnicas básicas das cozinhas francesa e italiana.

Embora eu já tenha formação e trabalhe na área, sempre temos o que aprender e a oportunidade de estar lá e conhecer tantas pessoas diferentes foi incrível e única. Só o fato de compartilhar experiências com pessoas de outras culturas já é um aprendizado em si.

 

Ao final dos cursos fizemos um tour pela escola e confesso que morri de vontade de fazer o curso profissionalizante de novo! As salas de demonstração, as cozinhas, os equipamentos, a cozinha de confeitaria e até o café, tudo é um sonho! Vale realmente todo o esforço e dedicação que é tirar um diploma de Gastronomia.

cozinha_lecordonbleu.jpgbatedeira_lecordonbleu.jpg

Outra coisa muito bacana que descobri estando lá são os “open house” que a escola faz aos visitantes. Basta checar a próxima data no site e se inscrever para presenciar uma aula demonstração do curso profissionalizante, que sempre antecede as aulas práticas e consiste na execução das receitas pelo professor. Ao final todo mundo pode provar os pratos e levar as receitas para casa. Demais, né?! Um super programa free para quem curte cozinhar e está de bobeira pela cidade!

O portfólio de cursos curtos de verão é enorme, não tem pré-requisito nenhum e tem para todos os gostos, desde degustação de vinhos, à produção de pães e decoração de bolos.

Se interessou? Corre lá no site do STB e saiba mais.

Roberta Julião

Roberta Julião

A chef paulistana se formou em administração de empresas, mas foi seu hobby - a gastronomia - que virou seu superbusiness. O projeto “Da Feira ao Baile” (siga @dafeiraaobaile) já é um sucesso, mas exige dela conhecimento e inovação. Para isso, vamos com ela estudar em uma das mais famosas escola de gastronomia do mundo, a célebre Le Cordon Bleu, que tem unidades em vários lugares – Roberta vai conhecer a escola londrina.

Deixe uma resposta

BUSCAR RESULTADOS PARA: