a-melhor-experiencia-de-viagem-970x300_semtxt.jpg

Planejar uma viagem é simples, o extraordinário é construir experiências!

bar.jpg

Baunilha na Europa: Roteiro de passeios em Barcelona – Parte III

Mais algumas dicas imperdíveis da cidade de Barcelona selecionadas especialmente para o blog do STB Friends. Como venho contando, tive a oportunidade de conhecer esse belíssimo canto da Espanha e trago agora para o blog minhas experiências como STB Friend!
Barcelona Futebol Clube: museu e visita ao estádio Camp Nou!

 

Futebol Club Barcelona

Futebol é negócio sério em Barcelona. Eu diria que eles são mais fanáticos por futebol do que nós, brasileiros. Tive a oportunidade de presenciar uma comemoração de título enquanto estava em Barcelona e a Praça da Catalunha, a principal praça da cidade, lotou de fãs cantando o hino do Barsa e comemorando.

Assim, não podia deixar de visitar o estádio: o lugar que jogadores como Kubala, Cruyff, Maradonna, Ronaldinho e Messi fizeram história desde que Hans Gamper fundou o clube em 1899. O Barsa passou de ser apenas uma mera paixão por futebol, se tornando um verdadeiro fenômeno social. Nas vitrines do Museu FC Barcelona você pode ver os troféus e uma lista ilimitada dos diversos títulos e conquistas de um dos clubes de futebol de mais sucesso no mundo. Se você fizer o tour pago pelo estádio Camp Nou terá a oportunidade de visitar diversos lugares, como o estádio em si, sala de imprensa, arquibancada e vestiários. Existe ainda uma gigantesca loja onde se encontra todos os tipos de produtos do Barsa.

Visite o site aqui do Futebol Club Barcelona para mais informações sobre preços e horários.

 

Parque do Palácio Real e destaque do portão do Gaudí no Pavilhão Güell

Palau Reial & Pavellons Güell

Acabei indo nesses dois lugares, pois estava perto visitando o estádio Camp Nou, mas se você não estiver pela área, acho que pode dispensar esse passeio. São dois parques bem bonitos, que rendem belas fotos e que podem ser conhecidos bem rapidamente. O Palau Reial é, como o nome entrega, um palácio real construído em 1924 para o Rei Alfonso XIII, antes das faculdades que se localizam na sua frente, do outro lado da Avenida Diagonal. O palácio se localiza dentro de um parque (que na verdade era o "jardim" do palácio) e hoje funciona como dois museus: um dedicado a design e outro à cerâmica, com destaque para as peças Árabes e peças desenhadas por Picasso e Miró.

Pertinho do Palau fica o Pavellons de la Finca Güel, o primeiro trabalho de Gaudí. O que vale mesmo ver do Pavellons é o portão feito em ferro em forma de um gigante dragão que protege o lugar.

Praça da Espanha: vista de cima, de lado, de perto e de longe - linda! Destaque para a Fonte de Montjüic.

 

Praça da Espanha

O hotel que eu fiquei, Ayre Hotel Gran Via, é coladinho nessa praça e super acessível de metrô. A Praça da Espanha conta com uma fonte monumental criada por Josep Maria Jujol e é a porta de entrada ao esplendoroso Parque de Montjuïc, cenário da exposição internacional de 1929 e dos Jogos Olímpicos de 1992.

Os pavilhões de exposições se encontram atrás de duas gigantescas torres venezianas e, ao fundo, o majestoso Palau Nacional. A Montanha do Montjuïc, o pulmão verde da cidade e excelente ponto estratégico sobre o porto, se transformou em uma referência de lazer, cultura e esporte. Fontes, jardins, teatros, museus e todos os tipos de arenas esportivas fazem do Montjuïc uma realidade tanto atrativa como diversa.

* P.S.: Não perca o espetáculo noturno da Fonte Mágica de Montjüic, coisa linda! Os horários: Outono e inverno: Sexta-feira e sábado, das 19 às 21h; Primavera e Verão: Quinta-feira a domingo, das 21 às 23:30 h.

Museu MNAC por fora, destaque para o afresco do teto do museu, guia do visitante, cadeira por Gaudí e pintura de Picasso

Museu MNAC

O Museu Nacional de Arte da Catalunha, o MNAC, é um dos museus mais significativos da Catalunha e oferece uma jornada ao longo de mais de mil anos de arte, do período Medieval (Romanesco e Gótico), Renascimento e Barroco à arte nouveau Catalã e esculturas avant-garde. Também conta com uma exibição de fotografias e história das moedas.

O edifício que hospeda o museu é uma obra a parte. Magnífico, o Palácio Nacional foi construído para a Exibição Internacional de Barcelona de 1929 e se encontra em um lugar privilegiado, no alto da montanha de Montjuïc. Não esqueça sua câmera fotográfica, é um ótimo ponto para belíssimas fotos.

Anel Olímpico

Eu não cheguei a visitar, apenas passei por lá e vi de longe as instalações absurdas do Anel Olímpico construído para as Olimpíadas de Barcelona de 1992. O Estádio Olímpico, o Palau Sant Jordi, as torres de telecomunicações, a Universidade Esportiva e as Piscinas Picornell são as principais instalações do Anel Olímpico.

Também perto do Estádio fica facinho de visitar o inovador Museu do Esporte e das Olimpíadas. Do outro lado fica o jardim botânico da cidade, o qual acolhe uma coleção de plantas representantes das cinco regiões do mundo. Esse jardim se distribui de uma forma inovadora recriando a paisagem natural da região de onde vieram.

Fundação Joan Miró: um museu dedicado aos trabalhos do artista 

Fundação Joan Miró

Eu sou absolutamente fã do trabalho de Miró e adorei esse museu, que não é grande, mas dá para ter uma ótima noção de toda a trajetória do pintor. A Fundação Joan Miró, junto com o Centro de Estudos de Arte Contemporânea, abriram ao público em 1975 e, desde então, se tornaram referências da vida cultural da cidade.

Além de abrigar a coleção permanente desse artista catalão mundialmente conhecido que soube como criar seu próprio universo poético e cultivou todos os gêneros de arte (pintura, escultura, cerâmica, tapetes), a fundação participa ativamente da promoção das artes contemporâneas.

 

Teleferico e Castelo de Montjuic

Teleferico e Castelo de Montjuic

Teleférico de Montjuïc

Se você se sentir muito fechado dentro da cidade de Barcelona e querer ter uma visão do todo, assim como o Monte Tibidabo, o Montjuïc apresenta vistas maravilhosas. E nada melhor para curtir a vista das áreas verdes da cidade do que voar como um pássaro no teleférico do Monte. A entrada do teleférico fica pertinho da Fundação Joan Miró e viaja até o topo do Castelo de Montjuïc. Mas se você parar no meio do caminho pode aproveitar para tirar fotos lá no "Mirador del Alcade", um terraço que atrai diversos turistas que buscam uma boa vista do porto.

Bruna Calheiros

Bruna Calheiros

Paulista e blogueira, Baunilha é publicitária e apaixonada por games, seriados, HQ, cinema, design e arte. Com projetos promissores e vontade de aproveitar tudo o que o mundo tem para oferecer, ela está estudando em NY e você pode conferir os textos repletos de dicas e detalhes sobre a cultura norte-americana que a @baunilha prepara especialmente para vocês!

Deixe uma resposta

BUSCAR RESULTADOS PARA: