bar.jpg

Baunilha na Europa: Roteiro de passeios em Barcelona II

Barcelona é maravilhosa e a lista de pontos incríveis para ver pela cidade é imensa. Porém, eu nem posso colocar a cidade inteira nesses posts, mas vou sim colocar os mais inconfundíveis! Visitar Barcelona foi uma das melhores escolhas de viagem que já fiz na vida e se você ainda não conhece essa cidade, coloque já no seu checklist. Se você está pensando em aprender espanhol, por quê não fazer um intercâmbio para a cidade mais incrível da Espanha??

Interior do templo da Sagrada Família: uma das obras mais incríveis da humanidade

Casa Batlló

Algo inevitável quando se está em Barcelona é ouvir falar e ver as obras do arquiteto Gaudí. O Oscar Niemeyer catalão está em todos os lugares! Conhecer um pouco de sua história e visitar suas casas é um passeio cultural obrigatório. A Casa Batlló é uma delas, construída entre 1904 a 1906. Você pode visitar o mezanino onde morava a família Batlló, o ático e telhado com suas chaminés em ondas. O edifício é parte da "Quadra da Discórdia", assim chamado por conta dos diversos estilos arquitetônicos da região. E compete com a beleza de outros edifícios como a Casa Amatller (dos arquitetos Puig e Cadafalch), Casa Lléo i Morera (de Domènech e Montaner), ambos também são exemplos do modernismo catalão. Vislumbrar a Casa Batlló e olhar com atenção a seus detalhes coloridos é mandatório.

La Pedrera

Mais uma obra do Gaudí e que fica bem pertinho da Casa Batlló é a Casa Milà, mais conhecida como Pedrera. Construída entre 1906 e 1910, sua fachada de pedra sugere o movimento de ondas. A visita ao interior do edifício inclui uma exposição sobre os trabalhos do arquiteto. Particularmente, eu prefiro conhecer o exterior da Casa Batlló e o interior da Pedrera. Parece a casa dos Flintstones, se eles morassem em um edifício! Em ambas, você terá que pagar entrada, então escolha uma.

 

Casa La Pedrera e Casa Batló: Gaudí deixa sua marca pelas ruas de Barcelona

 

Sagrada Família

Já falei sobre a Sagrada Família como sendo a minha atração favorita de Barcelona e a Rê Biscoito também deu essa dica aqui! Então não é por falta de avisos: se estiver em Barcelona, conheça essa igreja que é algo surreal, ou melhor, modernista! Ainda está em construção, mas não espere sua finalização para conhecer, já que encontra-se em construção desde 1882! É o sonho-obsessão de Gaudí, no qual ele devotou a maior parte de sua carreira e vida.

 

A igreja a qual o mestre Gaudí dedicou grande parte de sua vida e sonhos: Sagrada Família

 

Tibidabo

O ponto mais alto da cidade fica nesse morro um pouco isolado da agitação das Ramblas, porém super indicado para ir se você tiver uma estadia maior em Barcelona. Ver o pôr-do-Sol do monte Tibidabo é minha dica, eu fiz e foi incrível. Leve um vinho ou uma cava e aprecie a vista panorâmica da cidade! Quando fui com alguns amigos estava ficando de noitinha e ficamos conversando e relaxando por ali até que... Apareceram javalis! Tranquilos, passeando pelas ruas... Me fizeram pensar em quais outros animais devem viver pelas montanhas de Tibidabo. Para visitar é necessário pegar primeiro o Tramvia Blau e depois o funicular, que te leva ao topo da montanha. Se tiver mais tempo ainda, aproveite o dia e vá no Parque de Diversões que fica no topo do morro. Mas antes de ir, não se esqueça de ver online os horários e dias em que o parque está aberto, pois eles são completamente randômicos.

Noite gostosa com amigos no Monte Tibidabo

Parc Güell

O Parc Güell tem uma história interessante. Foi um projeto que originalmente não deu certo, mas hoje se transformou em um dos principais parques da cidade. O parque recebe o nome do chefe e investidor de Gaudí, Conde Eusebi Güell. Inicialmente, o parque foi planejado para ser um complexo de condomínios em meio à natureza. O projeto não teve êxito e acabou que apenas uma casa, que era o show house, foi construída. Essa casa acabou sendo habitada pelo próprio Gaudí durante anos e hoje abriga seu principal museu. Em 1923, Güell doou o parque ao Conselho Municipal e desde então foi transformado em um parque público. A localização do parque é ótima, perto de um bairro chique da cidade com prédios modernos de varandas grandes. O parque em si conta com inúmeras esculturas e obras do arquiteto, além do seu museu.

 

Parc Güell: uma caminhada tranquila pela natureza, recheada de obras de Gaudí

 Veja a primeira parte desse post: Baunilha na Europa: Roteiros de passeios em Barcelona I e aguarde o último post com dicas de Barcelona ;)

Bruna Calheiros

Bruna Calheiros

Paulista e blogueira, Baunilha é publicitária e apaixonada por games, seriados, HQ, cinema, design e arte. Com projetos promissores e vontade de aproveitar tudo o que o mundo tem para oferecer, ela está estudando em NY e você pode conferir os textos repletos de dicas e detalhes sobre a cultura norte-americana que a @baunilha prepara especialmente para vocês!

Deixe uma resposta

BUSCAR RESULTADOS PARA: